Serra do Corvo Branco

Serra do Corvo Branco
Serra do Corvo Branco

sexta-feira, 10 de março de 2017

OLHA O QUE FIZEMOS NO CARNABIKE 2017


Olá Galera

Quando em dois mil e dez que  fiz o Vale Europeu que passei a considerar o cicloturismo, a maior sacada no uso da bicicleta. Por isto oito anos seguidos e o Carnabike, continua sempre muito envolvedor.
Este ano o Praguedo foi uma turma grande, amiga e animada, curti demais.
Voltamos a nos deslocar de cidade a cidade, quatro noite em hotéis diferentes, roteiro feito pelo Fernando Campanholo e Rogério B.Silva, muito bacana, caminhos, banguelas, estradão, muitas subidas e até um lindo asfalto em uma estrada municipal, fez parte do roteiro.
VIDEO E FOTOS
Fomos na sexta feira de carnaval até a cidade Monte Belo do Sul, uma cidade de forte tradição Italiana, com casas muito antigas e conservadas, cidade tranquila, povo hospitaleiro.Duas Saveiros dariam o apoio, levando bagagens, kit mecânico e peças, e sim frutas, suplementos, água e lanches sempre a mão, novamente o Rogério fez o serviço.

Saindo sábado de manhã, dormindo em Dois Lajeados, seguindo pousamos em Ilópolis, pela segunda vez os badalos da Catedral, informando as horas a cada quinze minutos, assim como foi até a minha adolecencia em Passo Fundo. Ultima noite em Camargo, não saímos do hotel cidade com dois mil e poucos habitantes, almoço na terça em Marau, rotas das Salamarias, restaurante Camara, uma galera foi almoçar com a gente, foram mas não voltaram pedalando com a gente, ta loko.
Foi demais, parecíamos crianças, são momentos que poucas vezes podemos desfrutar assim, descontraído, solto, brincando, só faltou a mamadeira, substituída pelas Buddy.
Ficou um gostinho de quero mais, então .....2018.
A Cristiane Campanholo postou no Facebook.
 “Bem, sei de uma coisa: quem participa de uma aventura assim não volta mais como era antes. São coisas simples, sujeira de terra, de mato, vento na cara, barulho de rio, suor no rosto e um sorriso estampado, que podem mudar as nossas vidas. Voltar a ser criança e esquecer de todos os problemas da vida adulta.
Difícil? Muito! Bom? Demais!! Gratidão é a palavra principal.”
César Oliveira falou e disse,
 “Neste carnaval meu bloco percorreu de bicicleta quase 300 km em estradas de chão com muitas pedras e subidas, partindo da Serra Gaúcha (Monte Belo do Sul) ao Planalto Médio (Passo Fundo), totalizando 6409 m de altimetria (somatório de elevação); equivale a termos subido duas vezes a altura do Pico da Neblina, ponto mais alto do Brasil. Belas paisagens.”
E a Tati Brito, o maior agito do pedal disse.
“Foi uma experiência incrívellllll, jamais imaginei viver algo assim. Pedalar por lugares lindos, passar por cidadezinhas aconchegantes, conhecer pessoas pobres financeiramente, mas ricas na arte de viver e em servir ao próximo não tem preço. Superar meus próprios limites, incentivar e torcer pelas conquistas dos companheiros, sentir um turbilhão de sensações (medo, adrenalina, alegria, entusiasmo, coragem, ousadia, loucura, determinação, gratidão) foi sensacionallll.
Quantas risadas, quantas histórias, essas ficaram para sempre na minha memória e isso não há dinheiro no mundo que pague. Minha gratidão a Deus, em primeiro lugar, e a todos vocês que fizeram esse feriado de carnaval ser o mais top de glorioso que já tive. Brigaduuuuuuuu...


Eu, “Ficou um gostinho de quero mais, então .....2018.”



Partida


Monte Belo a Noite, reparem na turma falando Italiano no buteco ao fundo.


O melhor rango

Tranquilidade

Primeiro dia, partida cedo da manhã, 69 km 1268 metros de altimetria

Primeiro dia hotel em Monte Belo

Predios dos anos 50, lindos.







Esta descida em uma speed.

Santa Teresa

Santa Teresa

Santa Teresa

Santa Teresa


Santa Teresa

Santa Teresa

Santa Teresa




Viaduto 13 e Mula Preta

Banho de espuma da Tati




Foto Miguel Quevedo







Famosa Pinguela








Foto by Fábio Hass na ida para a janta em 2 Lajeados

Saida do segundo dia hotel em Dois Lajeados
Segundo dia 79 km 2140 metros de altimetria.

Gruta em Anta Gorda - Itapuca





Anta Gorda






Terceiro dia 74 km e 1750 metros de altimetria subindo muito saída de Ilópolis
Foto Miguel Quevedo










Foto Miguel Quevedo







Quarto dia 65 km e 1200 metros de altimetria, saída de Camargo, para ajudar depois do almoço uma bomba dagua.
Hotel em Camargo Foto Miguel Quevedo

Almoço restaurante Camara , Rota das Salamarias - Marau









Veja algumas fotos da
https://drive.google.com/open?id=0Bw9cEhnN8h5tWGlKOU1tNXVHR1k

Minhas fotos https://drive.google.com/drive/folders/0Bw9cEhnN8h5tRnRyQjJpdTRjaEE?usp=sharing

Todas as fotos do Miguel Quevedo https://goo.gl/photos/MpLBYTyQFycdfxfc8

2 comentários:

  1. BELO DESFILE DE BLOCOS. PARABENS à organização. Quanto a questão do" ... as horas a cada quinze minutos ..." é uma marca registrada no Turismo da Serra Gaucha. Os badalos dos sinos da Igreja Matriz de Monte Belo do Sul, distam uns 80 metros no Hotel Bruschi.

    ResponderExcluir
  2. telasmosquiteira-sp.com.br

    telas mosquiteiras sp
    telas mosquiteira sp

    As telas mosquiteiras sp , telas mosquiteiro sp garantem ar puro por toda casa livrando-a completamente dos mosquitos e insetos indesejáveis. As telas mosquiteira garantem um sono tranquilo a toda família, livrando e protegendo-nas dos mais diversos insetos. Muitos destes insetos são transmissores de doenças e a tela mosquiteira é indispensável no combate a mosquitos transmissores de doenças.
    s
    A dengue, por exemplo, já matou centenas de pessoas só na capital de São Paulo e um pequeno investimento em nossas telas mosquiteiras podem salvar vidas. As telas mosquiteiras também impedem a entrada de insetos peçonhentos como as aranhas e os escorpiões, estes insetos também oferecem risco, pois seu veneno em poucos minutos podem levar uma criança a morte.
    telas mosquiteira jundiai
    telas mosquiteiro jundiai
    telas mosquiteira São Paulo
    telas mosquiteiro São Paulo
    telas mosquiteiras sp
    telas mosquiteiras Jundiai
    telas mosquiteira sp
    telas mosquiteiro Jundiai
    telas mosquiteira sao paulo
    telas mosquiteiro sao paulo

    A chegada da temporada Primavera/Verão traz consigo a elevação da temperatura e a maior ocorrência de chuvas. Mas não é só isso. As estações mais quentes do ano causam muita dor de cabeça e muitos zumbidos indesejáveis em função das pragas urbanas – pernilongos, baratas, cupins e outros insetos -, que afetam todas as regiões brasileiras.

    Nossa missão é oferecer telas mosquiteiras de qualidade a um preço acessível, fazendo com que as telas mosquiteiras sejam uma opção viável para muitas pessoas.

    telas mosquiteiras Jundiaí
    telas mosquiteiro Jundiai
    telas mosquiteiras jundiai
    telas mosquiteiro industria
    telas mosquiteira restaurante
    telas mosquiteiro restaurante
    telas mosquiteira empresa
    telas mosquiteiro empresa

    ResponderExcluir

nome
email