Serra do Corvo Branco

Serra do Corvo Branco
Serra do Corvo Branco

terça-feira, 30 de março de 2010

PEDAL PARA COLHER MARCELA SEXTA FEIRA SANTA 6 HORAS DA MANHÃ - SAIDA PRAÇA DA MÃE.



A Páscoa está se aproximando e a lembrança da tradicional colheita da “Marcela” caminha junto.

A EMATER-ASCAR de todo o Rio Grande do Sul lançou a “Campanha Plante Marcela – A Planta Medicinal Símbolo do Rio Grande do Sul.”

Esta campanha se faz necessária porque precisamos salvar as plantas que salvam vidas.

Talvez muitos dos que estão nos ouvindo, neste momento, podem achar estranho:

- Mas para que plantar marcela, se ela existe na natureza e é só colher???

Porém, estudos têm nos alertado que pode-se prever a extinção da marcela, planta nativa da nossa região, dentro de poucos anos, se continuar a exploração intensa sem a preocupação com o seu cultivo.

A marcela, nossa planta medicinal símbolo, é uma das mais tradicionais da medicina caseira e popular. Usada em forma de chá, tintura e compressa, ela serve como diurético, antifebril, antiespasmódico, digestivo, analgésico, combate as enxaquecas, bronquite, colesterol, gripes, diabetes, diarréia, fluidifica o catarro, serve como antiinflamatório, antisséptico e calmante.Também destaca-se seu uso nos animais para vários males, como: mamite, ferimentos, infecções nos olhos, estufamento, etc.

É ainda usada como inseticida natural para combater pulgões e borrachudos. Abril é o mês da colheita das sementes. Porém, o melhor período para plantar as sementes é nos meses de setembro e outubro, sendo que as covas devem ser bastante superficiais, para que possam receber vasta luminosidade. As sementes por serem muito pequenas devem ser armazenadas e manuseadas com muito cuidado para não afetar a fertilidade.

domingo, 28 de março de 2010

PEDAL 27 03 2010 - FOTOS DO SANDRO








Eram quase 15:00, quando recebi uma mensagem do Cesar pelo celular, "Trilha hoje só pros homê!".
Chegam a praça ele adivinhou, nenhuma mulher apareceu, acho que já estavam prevendo a chuva.
Fizemos um percurso que a algum tempo não o fazíamos, a volta da Transbrasiliana, pois a abandonamos devido a quantidade de pedra.
O início do trecho de chão foi na estrada lateral a UPF, que vai a Coxilha, alguns trechos com barro, o transito de veículos agrícolas pelas estradas do interior nesta época de colheita e forte, merece uma atenção especial.
A ameaça de chuva nos perseguiu até entrarmos na Transbrasiliana, ali choveu mesmo, vários trechos escorregadios e poças d'água, a estrada foi patrolada, dando condição de um bom pedal, mesmo com a forte chuva, algumas decidas foram feitas a mais de 40Km/h.
Fotos deste trecho foram poucas devido ao celular que 'deu pau' devido a chuva, algumas bicicletas, acho que todas, apresentaram algum problema de lubrificação devido ao tremendo banho que tomamos.
Já na Vera Cruz, meu pedal esquerdo travou as esferas, continuei pedalando e ocasionou a queda do mesmo, mas nada que carregar as chaves e resolver o transtorno por ali mesmo.
Agora que está chegando o inverno, o pavor de quem não gosta de chuva e frio, e a alegria de quem já estava 'azedo' com o calor!
Abraço a todos.
Pedalem sempre.
kusma.

SE FOR ANDAR DE BIKE NÃO BEBA



ASSIM COMO NOS CARROS, QUEM FOR DIRIGIR, MESMO QUE SEJA DE BIKE NÃO DEVE BEBER. EVITE ACIDENTES.

sábado, 27 de março de 2010

quinta-feira, 25 de março de 2010

quarta-feira, 24 de março de 2010

CICLOTURISMO A FAZENDA TROPEIRO CAMPONÊS

Ola amigos ciclistas.



Novamente estaremos realizando um passeio à Fazenda Tropeiro Camponês no Distrito de Pulador.



Será dia 23/05/10 e o valor de R$ 17,00/pessoa.



Mais informações e inscrições, diretamente na Gigante Bike com nosso amigo Juliano.







Abraços.





Rudi

domingo, 21 de março de 2010

TRILHA 20 03 2010 fotos muito boas do Ronaldo e Sandro

Revendo esta postagem me fraguei, amigo Lorenzini, obrigado pela parceria e também pelo dioxido da tortura, e ao Sandro pelo absorvente , muito util nestas horas.


clique na maquina para ver fotos do Sandro
























Clique na maquina para ver fotos do Ronaldo







Ola pessoal

















Como de praxe , vamos colocar as fotos da trilha , ou melhor estradão de sábado. Bastante gente, acho que uns 30 ciclistas foram até pulador, na volta fui atravessar os trilhos , quis evitar uma poça, entrei atravessado e pou, fui de lado ao chão , clipado, banho de barro e uns cortes, que um dia vão sarar. Na volta uma chuvinha e barro nas bikes, parada no posto para lavar e la fomos nós para casa, esperar o próximo sábado.









A

sábado, 20 de março de 2010

quinta-feira, 18 de março de 2010

Segunda parte da entrevista com o Campeão Brasileiro contra o relógio Rodrigo Nascimento - Passofundense

Clique na maquina para ver todas as fotos do Campeão
Aqui o Inhé andou a 96 kmh
a bike de carbono 2008
bronze no brasileiro de 2008
campeão jogos abertos de Santa Catarina
Esta é a historia que arrumou o pneu e juntou a fuga de novo

Este texto, eu escrevi , numa vez só , e publiquei a primeira parte (clique aqui para ver primeira parte) na noite anterior de sair para o Vale Europeu, agora vou colocar a segunda parte, porém soube que o Rodrigo, Inhé, teve que enfrentar uma cirurgia a dias atraz. O Pedal na noite, e principalmente, eu Xyko , desejo ao Inhé uma recuperação de campeão, que ele é, e caro amigo, os dias parados agora , não é nada , tenho certeza que com tua garra logo estará mandando contra o relógio novamente .












  • Quantos títulos na carreira?
    Campeão mineiro contra o relógio de meio fundo, três vice campeão gaúcho, campeão brasileiro contra o relógio,campeão dos jogos abertos.


  • Quantos kilometros tinha a prova do brasileiro?
    32 km média 46 km/h , com bastante subida , em São Paulo, ganhei das principais equipes como Scott, Memorial e outras, a elite do ciclismo estava la.

  • Este ano , quais os planos , alguma prova internacional, Tour de France é possível?
    Para participar do Tour é uma corrida para poucos , os atletas aptos a estar no tour tem que estar no pro tour, para estar no pro tour, somente equipes grandes , com dinheiro em caixa para entrar no pro, existe vinte e poucas equipes no pro tour no mundo inteiro. Tipo Liquigás , Astana, Cofidis e etc. Para ir para o tour tem que estar numa destas equipes.
    Eu tenho um sonho de ir para Europa, apesar de estar já muito tarde , pois comecei com 18 anos , para ir para Europa eu tenho que ir para o mundial e ir muito bem la, ai eu posso ter futuro. Para começar como amador já é tarde, como amador eles só aceitam até os 26 anos para passar para o profissional.

  • Qual a alimentação ?
    A eu me cuido muito, evito açúcar e gorduras, pois estou sempre acima do peso, agora estou dois quilos acima , apesar de parecer magro. Bastante macarrão , frutos e cereais.

  • Toma algum suplemento?
    Tomo polivitaminicos , suplementos protéicos .

  • Quem faz a manutenção da bike?
    A bicicleta quase não da manutenção, a equipe me disponibiliza duas bikes, a de fibra de carbono e a de estrada, mas a equipe ajuda na manutenção. Elas são para meu tamanho, e a principal é a Orbea Hora , temos algumas Pinarello também na equipe.

  • Como foi o desafio Passo Fundo – Poá ?
    Foi legal , 32 de media , 9 horas e pouco de pedal, mas estava muito quente, de tarde quase todo mundo começou a passar mal, mesmo tomando muito liquido. Mas é perigoso, andar a noite , quanto mais gente mais perigoso fica. A noite é muito perigoso, o Bortolini bateu numa coruja , se pega na roda ele tinha caído.

  • Tem uma historia aqui que tu furou o pneu e assim mesmo chegou na frente, pode contar ? Estávamos indo a Marau pela estrada de chão , daí eu furei o pneu, quando o pessoal viu que eu furei o pneu eles aceleraram , daí eu remendei o pneu , remendei a câmara, daí sentei a bota , quase morri , rsrsrs, mas passei deles .rsrsrs
    Tenho outra marca que é o trevão , com uma Monark velha , pneu balão, comecei marcar o tempo, tempo , tempo eu e um tio meu cheguei há fazer uma hora e cinco segundos.
    Mato Castelhano Passo Fundo 24 minutos , 49 kmh de media, acho que este eu nunca mais vou fazer na minha vida.
    Tenho o tempo do trevo do Ricci até Marau 34 minutos 42 de media.
    Semana que vem , vou fazer minha apresentação na equipe e fazer uns testes , medir potencia e etc., para depois irmos à volta do Uruguai, na volta da América dia 26 de ferevereiro.
    Tenho este ano três objetivos alem da volta do Uruguai, que é Brasileiro , a volta de São Pulo que é a prova mais importante do Brasil, é o Tour de France do Brasil, é uma prova numa região que não é muito montanhosa e por isto eu tenho condições de ganhar a prova. E os jogos abertos que é da onde vem o meu salário.

  • Foi nas provas nove de julho e Copa América?
    Minha equipe não foi para nenhuma destas competições , minha equipe não tem um bom sprintista, este ano contratamos um bom sprintista , daí vamos ver , este prova exige muito , tem que ter um bom sprintista , prova rápida , realmente tem que ter alguém para chegar. No ano de 2008 eu corria pelas Sales eles disputavam o ranking nacional daí fomos em todas as provas, ai eu fui nestas provas .

  • Qual a posição do ranking da tua equipe?
    No ano passado até a metade do ano nossa equipe estava em décimo primeiro lugar .

  • Como tem varias equipes ?
    Pois é tem mais de 30 equipes, a mais conhecida é a Scott, este ano a Scott pode até ser convidada a participar do tour de France , pois a Scott é pro continental e o tour vais convidar duas equipes pro continental eles convidam duas ou três equipes fora do Pro tour , para dar oportunidades.

  • Você ta sendo cotado por alguma equipe, pois este titulo tu mostrou a cara para um monte de gente?
    Não este ano já esta fechado, não fui procurado, mas estou contente na Havaí, a equipe é boa , a bicicleta é boa , tenho respeito , vou como capitão , a estrutura é boa .
    Bom pessoal , o Pedal na Noite agradece muito , muito mesmo o Rodrigo Nascimento, pela entrevista, dicas e pela disposição , desejamos a ele o maior sucesso na carreira , e uma vida longa e feliz.

segunda-feira, 15 de março de 2010

AUDAX 200 KM CLUBE AUDAX PORTO ALEGRE




veja todas as fotos clicando na maquina
Ola Pessoal

De uma hora para outra, logo após o Vale Europeu, eu pensei , "Poderia fazer o Audax 200 em Poa".

Motivos: Relativamente em forma depois de pedalar 7 dias seguidos ,lugar diferente, plano, tenho lugar para parar em poa, temperatura boa.

Pois não é que logo após o Rudi me deu um alo, "vamos fazer o audax 200 em Poa?"

Bom já em Poa sábado a tardinha , saindo do ... Shopping começo a ver o povo entrando de guarda chuva? Bom , fui jantar e la cheguei a conclusão que chovendo não ia largar, perigo, speed, pneu fino e liso etc. Pois bem, tempo bom, relativamente temperatura amena , bom para pedalar.

Encontramonos no DC navegantes, aqueles preparativos antes da largada, lubrifica a bike, pendura o numero, ajeita a roupa, informações necessárias, e la vamos. Meia hora de atraso mas a largada é autorizada. No inicio eu e o Callegari nos integramos a um pessoal que foram subindo o pelotão.

Sem vento, mantivemos média acima de trinta até a primeira parada, la carimbamos o passaporte, abastecemos a água, a bananinha, gel, lubrifica corrente, e pé no pedal. No mesmo ritmo até o segundo PC, todas as necessidades do PC anterior feitas com a mesma rapidez, e saímos, média continuava igual. Chegando no PC 3 o cansaço se fazia sentir, a média já estava caindo, o Igor já vinha sentindo dores nas pernas, eu na parte posterior da coxa esquerda, Callegari era o mais inteiro. Almoçamos um macarrão com molho ao sugo, e um peito de frango grelhado, um descanso, tomei uma pílula para dor e fomos la. O Igor que já tinha feito um gancho antes do almoço disse que iria ir indo devagar, só que passou um buscopan spray e disse que ficou zero km, e deitou o cabelo, sendo o primeiro a chegar da nossa turma com 8:33 hs de volta ao DC.

Eu o Callegari nos separamos , fui ficando assim que a dor na coxa começou a voltar, tendo diminuído o ritmo por um tempo , melhorei, e dei nova acelerada, passei pelo Callegari que estava parado num posto de gasolina. Logo adiante chega o Callegari e fui assessorado pelo Callegas até o DC.

Do Rudi, Rita e César Lorenzini, sei pouco , sei que deu tudo certo, estavam felizes e fizeram o Audax em torno de 10 hs.

A minha média ficou em 27,4 km/h, máxima 51,8 km/h, distancia total 199,17 km, com 7 horas e 20 minutos.

Até aonde sei , tudo correu bem, alguns pneus furados, 2 quedas, todos terminaram bem .

Pretendemos seguir galgando distâncias , como 300, 400 600 km...

Até


WWW.AUDAXPOA.COM.BR

TRILHA 13 03 2010 SABADO





Ola Pessoal




No fim de semana que alguns de nós foi a Porto Alegre fazer o Audax 200 km, a trilha de sabado estava muito massa.

Mesmo indo fazer algo que nos empolga, vendo a Dani e todo a galera, da vontade de estar jundo.





Com as palavras do Sandro Kusma .







Sábado nublado, temperatura agradável, o pessoal decidiu ir para a trilha do Lixão, como sou traumatizado com esta trilha por não ter talento em pedalar devagar e fazer curvas de empilhadeira, e querendo pedalar uma distancia maior, optei em ir para Coxilha, apenas a Vanessa me acompanhou.
Percurso como sempre bom, de fácil pedal, mas com grande movimento de carros, caminhões, tratores e colheitadeiras, época de colheita é assim mesmo.
Minha bicicleta apresentou problemas de relação, onde tive que fazer todo o percurso sentado, algo muito desconfortável e cansativo.
A chuva nos pegou alguns quilômetros antes de chegar em Coxilha, como já estava escurecendo decidimos voltar pela RS-153, onde a chuva apertou valendo, tornando-se necessário o uso dos faróis e piscas alertas das bikes.
Mas com todos estes transtornos ainda deu para fazer a média de 18.0 km/h.
Devemos rever o horário de saída para as 15:00 ou 14:30, pois o outono/inverno está chegando e as tardes estão ficando mais curtas, consequentemente as pedaladas.

Abraço a todos.
Pedalando sempre.
Kusma.

quarta-feira, 10 de março de 2010

pedal na noite 10 03 2010




Ola Pessoal
Belo passeio, um roteiro fora das avenidas, fizemos Boqueirão, Cohab 2 , Fatima, Annes, São Cristovão e voltamos ao centro, no posto aonde tradicionalmente tomamos um refri.
video

ATÉ VALE PARA DESAFOGAR O TRANSITO, MAS ISTO É UMA BIKE?

video

ESTRAGOU A RODA, FUROU UM PNEU? NÃO TEM PROBLEMA É SÓ LEVAR UM CARRINHO DE MERCADO


CIRCUITO VALE EUROPEU

Ola pessoal mais umas fotos , depois mostraremos alguns videos do Vale Europeu
Que tal esta vista no ultimo dia?
Era no fim desta subida , que todo mundo empurrou a bike, a foto acima
Um anjo admirando outros
Assim eram os PCs do Velo Tour, agua, banana, maçã e carimbo no passaporte.

Pousada do Zinco
Unica igreja estilo Enchamel do Brasil
Com as bikes bem embarradas, um rio para dar uma lavada
Pedalei dois dias assim.
No calor valia qualquer lugar para fugir do sol